Em despedida de Aguero, Manchester City conquista a Premier League

O jogo teve dobradinha do argentino e de brasucas.

‎Pela 38ª rodada, o Manchester City venceu o Everton por 5 a ‎‎0,‎‎fechou a 26ª edição da Premier League com grande atuação.

No mesmo dia a equipe recebeu o troféu no estádio Etihad, na cidade da banda Oasis. Quem levantou o troféu foi o brasileiro Fernandinho, um dos grandes líderes em campo.

‎O time da casa entrou em campo com um‎‎ clássico 4-3-3.‎‎ Em relação à inesperada derrota para o ‎‎ ‎‎Brighton,‎‎Guardiola fez ‎‎cinco ‎‎mudanças e entrou Walker, De Bruyne, Fernandinho, Sterling e Gabriel Jesus. Kun ‎‎Aguero terminou a sua última partida no time que fez história, o argentino ficou no banco de reservas.‎

Crônica do jogo

‎O City começou o encontro com o domínio da bola e buscando ‎‎ser o protagonista.‎‎ Everton esperou em seu campo ‎‎e apostou em comprometer o perigo através do contra-ataque.‎‎ Por esta rota, eles teriam sua primeira chance de perigo. Ele liberou a carreira ‎‎de Calvert-Lewin‎‎ no último terço e o atacante saiu sozinho, disparou baixo e forte para o arco, ‎‎mas Ederson limpou o perigo.‎

‎Os ‎‎Cityzens ‎‎logo abririam‎‎ ‎‎o marcador de qualquer maneira.‎‎ Aos 11 minutos, Mahrez deu um grande passe que de ‎‎Bruyne interceptou.‎‎ O belga se acomodou de fora da área e colocou a bola colada no segundo naipe.‎‎Três minutos depois, ‎‎eles expandiriam o resultado.‎‎ Keane perdeu a bola para Fernandinho no meio de campo e De Bruyne deu assistência para ‎‎Gabriel Jesus.‎‎ O brasileiro não decepcionou e marcou o segundo gol da partida.‎

‎Os ‎‎Toffees ‎‎ficaram ‎‎desconfortáveis e ‎‎não conseguiram manter o controle da bola. ‎‎Seu rival estava sendo um pesadelo‎‎ ‎‎e ‎‎o pressionou o tempo todo. Cerca de 25 minutos, ‎‎Pickford‎‎ salvou sua equipe de sair do caminho novamente. ‎‎De Bruyne ‎‎disparou um chute poderoso para o gol de um ângulo fechado, ‎‎mas‎‎ ‎‎o goleiro inglês reagiu a tempo‎‎ e impediu que a bola entrasse.‎

‎A equipe de Ancelotti ‎‎não desistiu e tentou‎‎ descontar as ‎‎individualidades ‎‎de seus jogadores. ‎‎O brasuca Richarlinson ‎‎estava começando a incomodar a defesa adversária através de sua ‎‎velocidade.‎‎

Aos 35 minutos, o brasileiro saiu sozinho para o gol, mas Ruben ‎‎Dias cometeu uma infração na área e‎‎ o árbitro apontou ‎‎pênalti.‎‎ Ele foi o responsável por finalizar, mas ‎‎Ederson estava atento e adivinhou o poste escolhido pelos ‎‎islandeses.‎

Os ‎‎Toffees ‎‎começaram ‎‎com outra intenção‎‎ no segundo tempo e ‎‎rebaixaram o rival para‎‎ o seu próprio campo nos primeiros minutos. De qualquer forma, os ‎‎Cityzens foram capazes de ‎‎marcar através ‎‎de Foden.‎‎ O inglês parou e a bola passou perto do bastão esquerdo de Pickford.‎

‎Aos 53‎‎ minutos, chegou o terceiro gol do City.‎‎ Sterling atendeu ‎‎Foden, que‎‎levou alguns segundos para se separar de Godfrey e, em seguida, colocou seu tiro no canto inferior direito batendo Pickford.‎

‎Após o terceiro gol, ‎‎Guardiola decidiu dar descanso‎‎ aos jogadores que provavelmente jogarão a final da Liga dos Campeões, no sábado (29) diante o Chelsea. ‎‎Além disso, ele deu a Aguero a chance de‎‎ jogar 30 minutos na frente dos torcedores.‎

Aos 71 minutos, o ‎‎City marcou o quarto gol.‎‎ Fernandinho ganhou a bola contra Davies na beira da área e cedeu ‎‎para Aguero, que ‎‎conseguiu marcar seu primeiro gol na partida. ‎

‎Poucos minutos depois, ‎‎o argentino voltaria a marcar‎‎ no gol de sua equipe.

‎O Manchester City fechou a temporada ‎‎de uma boa forma ‎‎com um novo título da Premier League. ‎‎Aguero foi ‎‎capaz de dizer adeus como merecia, com uma dobradinha em campo.

Artigos Relacionados

dez 24, 2020
Balao Comentario 0
Gooners vão para o natal com o pior início na história da Premier, enquanto City sorri e fica mais calmo, com direito a gol de brasileiro
jan 03, 2021
Balao Comentario 0
As duas equipes ainda não mostraram a que vieram na temporada, mas o City foi mais letal rente à baliza e massacrou adversário que anda decepcionando críticos com performances aquém do esperado.
jan 31, 2021
Balao Comentario 0
Com três brasileiros, City vence e conquista a liderança do campeonato mais disputado em solo europeu.
fev 04, 2021
Balao Comentario 0
Jogador tem cláusula rescisória de 100 milhões de euros e é visto como futura grande venda.
fev 09, 2021
Balao Comentario 0
Brasileiro comete falha decisiva em confronto que os põe cada vez mais longe da briga o título. City vence pela primeira vez rivais após 18 anos de jejum.
mar 04, 2021
Balao Comentario 0
Brasileiro indicado ao Samba de Ouro deixa o dele na partida.