Copero, Grêmio despacha Cuiabá em Porto Alegre e vai às semis

Rei das Copas elimina sensação da Série B e segue na busca de levantar o sexto caneco do torneio onde é conhecido por ser o maior vencedor.
Gremio x Cuiabá - Copa do Brasil 2020 - 18/11
© Lucas Uebel / Grêmio FBPA

O Grêmio recebeu em sua Arena na quarta-feira (18), o Cuiabá, e o derrotou por 2 a 0, no jogo da ida das quartas de final da Copa do Brasil. Com duas assistências de Pepê e um dupleto de Diego Souza.

Após vencer por 4 a 2 na Arena Pantenal pelo primeiro jogo, o Grêmio vinha com a cabeça erguida em receber o Cuiabá na sua casa.

Precisou de apenas nove minutos, para em boa troca de passes, Pepê meter um lançamento preciso na cabeça de Diego Souza, que empurrou a bola para o fundo das redes.

Pepê estava inspirado, deixava a defesa do Verdão do Mato Grosso no chão com sua velocidade e drible.

O Imortal teve chance de fazer o segundo, terceiro, mas o impedimento de jogadores como Matheus Henrique e David Braz anularam os lances.  A dupla Pepê e Diego Souza é um sinônimo de completude no gramado. Aos 41, Pepê recebeu e em uma jogada de contra-ataque mortal achou Diego Souza pela direita, o experiente atacante dominou e mandou um canhão ao fundo da baliza. O duo soma dois gols e duas assistências na Copa do Brasil.

O núméro do Grêmio também é expressivo, na competição são quatro partidas, um gol sofrido e seis marcados.

Os histórico de Renato Portaluppi no time onde é ídolo como técnico e atleta são impressionantes.  Nas cinco Copa do Brasil disputadas são:  quatro semifinais e uma final (justamente o primeiro título expressivo do Grêmio em um jejum de 15 anos do clube, em 2016).

O Grêmio enfrenta o São Paulo entre os dias 23 e 30 de dezembro. Copero e Peleador, o Imortal ostenta cinco títulos (1989, 1994, 1997, 2001 e 2016). O maior campeão das Copas no país.

Comentários

Icone Cinzento Balao Comentario
0