Bryan Ruiz rescinde contrato com o Santos

Antes da pandemia de coronavírus, o futebolista estava treinando na equipe B. O último jogo oficial com o clube foi em 2018
14/07/2020 4:43 PM
Bryan Ruiz Santos
© lev radin / Shutterstock.com

O costa-riquenho, Bryan Ruiz, anunciou na segunda-feira (13), por meio de suas redes sociais que rescindiu contrato com o Santos.

Contratado em 2018, o vínculo do atleta destaque da Costa Rica na Copa do Mundo de 2014 se expirava no final deste ano.

Luiz publicou a nota do desligamento. Alegou sofrer “dano moral”, por conta de “decisões administrativas e esportivas”.

No comunicado, criticou severamente as declarações de dirigentes do clube.

Contratado em 2018 com status de craque, recebeu o calor da torcida ainda no aeroporto.

Na Vila Belmiro, Bryan Ruiz teve vida difícil. Disputou 14 jogos e não fez gol. O meia não entra em campo desde 12 de novembro de 2018. Nos últimos meses treinava com o time B.

Confira a nota divulgada por Bryan Ruiz:
“Depois de dois anos pertencendo ao Santos Futebol Clube, comunico que hoje 13 de julho rescindi o contrato que me vinculava com o clube até dezembro de 2020.

Tomei a decisão [desligamento do Santos] respaldado na falta de cumprimento do pagamento e pelo dano moral que recebi, provocado por decisões administrativas e esportivas que foram tomadas por informações não verídicas.

Que se comunicaram publicamente em diferentes oportunidades por parte da administração do clube, as quais puseram em dúvida o meu profissionalismo como jogador.

Meu propósito ao chegar ao Santos FC em julho de 2018 foi poder contribuir o máximo possível para alcançar os objetivos esportivos do grupo.

Não obstante, lamentavelmente não tive a oportunidade nem confiança para cumprir o meu desejo.

Foi uma honra pertencer a este grande clube, que ocupará um lugar no meu coração; desejo o melhor para o futuro.

Agradeço os meus companheiros pela amizade e o apoio oferecido. Obrigado a torcida, a qual, comprovei que é uma das melhores e maiores do mundo.

A partir desse momento sou um jogador livre e a ante isso desejo continuar minha carreira profissional em clube e seleção, ao sentir-me em condição física e técnica ideal.”

Comentários

Icone Cinzento Balao Comentario
0