Brasileirão deve retornar em agosto

Vinte dos 19 clubes da primeira divisão apoiam a ideia de jogar em outro estado, caso autoridades de saúde não os liberem para os jogos. Athletico Paranaense se opõe à decisão
29/06/2020 10:01 AM
Brasileirão Returns August
© Celso Pupo / Shutterstock.com

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou na sexta-feira (26), as possíveis datas à volta do Campeonato Brasileiro.

Na Série A, o início será realizado no dia 9 de agosto, em um domingo. A Série B tem previsão de recomeço no dia anterior.

O projeto mantém as 38 rodadas regulares, com a previsão de encerramento para fevereiro de 2021. A informação foi dada primeiramente pelo Uol Esportes.

Os clubes decidiram que a Copa do Brasil também retorna a partir no início da segunda quinzena de agosto.

A decisão foi tomada na noite desta quinta-feira, em reunião marcada pela confederação junto com a Comissão Nacional de Clubes (CNC).

O encontro contou com a participação dos 40 times disputantes das duas divisões.

As datas e o cronograma de retorno foram propostos pelo presidente da CBF, Rogério Caboclo e foram apoiadas pelos clubes.

O regresso do futebol depende da autorização do Ministério da Saúde.

Athletico Paranaense tece críticas à CBF

Mario Celso Petraglia, presidente do Conselho Deliberativo do Athletico-PR, cedeu uma entrevista à Tribuna do Paraná, no Gazeta do Povo.

O mandatário afirmou que a entidade máxima está pressionando as equipes.

“A CBF pôs em votação com 80% das cidades estando liberadas. As que, porventura, estiverem impedidas para treinamentos e jogos, o problema será do clube, que encontre uma outra cidade para treinar e jogar”, comentou.

Petraglia reafirmou que seguirá se opondo à decisão da instituição. “Não podemos aceitar que o Athletico, como proposto pela CBF, vá treinar e jogar fora da sua cidade e estádio. O prejuízo técnico, performance e financeiro seria muito grande”.

“Como temos as principais capitais liberadas, ou prestes a serem liberadas, caso de São Paulo, no nosso entendimento é totalmente injusto o início do campeonato com essa determinação.” argumentou.

Os clubes da Série A se dispuseram a jogar fora das suas cidades, caso seus municípios não estejam liberados a realizar jogos.

Comentários

Icone Cinzento Balao Comentario
0