Transferência de Pepê entre Grêmio e Porto próxima de acordo

Declaração foi dada pelo próprio presidente do Imortal Tricolor; Pepê representa o projeto de formação do clube gaúcho.
CAMPEONATO BRASILEIRO 2020 /GREMIO X BOTAFOGO
© Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Um dos grandes nomes do Grêmio na atualidade, Pepê, está próximo de ir ao FC Porto de Portugal. De acordo com o próprio presidente do clube gaúcho, Romildo Bolzan “apenas detalhes” separam o a ida para o país europeu.

O jogador paranaense permanecerá em Rio Grande do Sul apenas a metade do ano e atuará nas finais da Copa do Brasil, em 11 e 17 de fevereiro.

“Faltam algumas situações que são importantes, os detalhes de contrato. O tempo já está ajustado, só será entregue na metade do ano. As coisas estão andando fortemente neste sentido, no que diz respeito ao Grêmio e ao Porto, a situação está bastante tranquila e adiantada”, revelou o mandatário gremista em entrevista à Rádio Guaíba.

A declaração foi apenas mesmo da derrota por 4 a 2 diante o Flamengo na Arena do Grêmio. Pepê não foi relacionado pelo técnico Renato Portaluppi.

De acordo com o jornal gaúcho “Correio do Povo”, o valor do negócio ronda os 15 milhões de euros (cerca de R$ 99 milhões).

No início da semana, Renato respondeu às perguntas sobre o futuro do atleta.

“O Pepê estava a jogar, a ajudar-nos, a fazer golos, a fazer grandes atuações. Bastou começar a falar que havia várias propostas da Europa e deu no que deu. Eu já tinha dito isso”, respondeu.

O mesmo dirigente classificou o extremo de 23 anos ao mesmo nível de Everton Cebolinha, indicado ao Samba de Ouro, prêmio da Sambafoot dado ao melhor jogador a atuar na Europa.

Caso seja concluído, as duas maiores revelações do Grêmio nas últimas épocas estarão a jogar em Portugal nos próximos anos.