Ferroviária campeã da Libertadores Feminina 2021

Lindsay Camila também tem história para se tornar a primeira mulher a vencer a competição como treinadora.

Ferroviária é a campeã da Libertadores feminina após uma vitória por 2 a 1 sobre o América de Cali na noite de domingo.

A Ferroviária abriu o placar aos seis minutos, depois que o Sochor aproveitou um erro do goleiro Tapia para dar a vantagem ao lado brasileiro.

Os colombianos logo entraram no jogo e conseguiram o merecido empate aos 39 minutos, depois que Catalina Usme converteu de pênalti.

Aline Milene restaurou a vantagem da Ferroviária três minutos depois, também de pênalti.

Na fase final do jogo,as grenáss conseguiram resistir à pressão e manter a liderança para serem coroados campeões. Foi o segundo triunfo da história do clube. Sua primeira vitória veio em 2015, quando venceram o torneio na Colômbia.

Lindsay Camila também tem história para se tornar a primeira mulher a vencer a competição como treinadora.

Após o último triunfo, a equipe de Araraquara venceu nove de um total de 12 vezes em que a competição aconteceu. O São José-SP é o maior vencedor, com três triunfos marcados. A Ferroviária tem dois títulos, igual a Santos e Corinthians.

Com a vitória, a Ferroviária também garante vaga na próxima edição da Libertadores, que acontece no final do ano no Chile. Os outros dois representantes brasileiros serão decididos a partir do Campeonato Brasileiro feminino.

As Guerreiras Grenás voltarão à ação no dia 18 de abril, quando iniciará sua campanha pelo Campeonato Brasileiro com um jogo contra o Palmeiras.

Artigos Relacionados