Equipes do sudeste e sul carregam as camisas mais expressivas no Brasileirão

As regiões que estão embaixo do Brasil representam ironicamente as maiores torcidas e as equipes com títulos mais robustos.

Essas duas divisões do Brasil são além de mais títulos na história do futebol brasileiro, representantes como Palmeiras, Red Bull Bragantino, Santos e Flamengo são fortes aspirantes e candidatos a permanecer como o título do campeonato.

O futebol no eixo sudeste é o mais famoso,

mas consiste na escola de três estados futebolísticos muito divergentes: São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

O futebol paulista

São Paulo é uma área que há um ano contribuiu menos três vezes para o Brasil, sendo as mais marcantes: Santos, Palmeiras, Red Bull Bragantino e São Paulo. Nem tanto, senão o Rio de Janeiro também ganha grande presença no campeonato brasileiro de futebol ano após ano.

Por parte do São Paulo, o atual campeão do Paulista, junta-se com Santos, Corinthians, e Palmeiras (que continua sem Mundial) mas também obtém a atual edição da Copa Libertadores da América.

Ou o mesmo acontece com Fluminense e Flamengo, este último, sem duvid, buscará conquistar o tricampeonato, feto conquistado por poucas vezes do futebol no Brasil.

Carioca

O bicampeão do Brasileirão é o Flamengo, que apesar de ter começado muito cedo na última temporada com Domènec Torrent, conseguiu se adaptar à situação contratando um novo técnico e vencendo o campeonato não o último brasileiro de 2020 e também em 2021, com Rogério Ceni. Irônicamente, o único remanescente do futebol carioca é seu rival, Fluminense.

Mineiro

O Atlético-MG ficou em terceiro lugar em 2020 e experimentou uma mudança na liderança depois de deixar seu treinador, Jorge Sampaoli, ir para Marselha. No entanto, eles mantiveram a maioria dos jogadores de 2020, o que fez com que sua transição não fosse tão ruim. Esta equipa é temível, pois considerou que é uma força a ter em conta em todas as competições e na campanha de qualificação, se a Libertadores 2021 for prova suficiente.

Sul

Sem representantes no Paraná e em Santa Catarina. A edição de 2021 do Campeonato Brasileiro nos reserva uma grande expectativa por conta dos três participantes do Rio Grande do Sul.

Grêmio e Internacional fazem o tradicional GreNal, mas a volta do Juventude à Série A é histórica! Depois de 14 anos, a equipe retorna a elite do futebol com promessa de estender sua passagem por pelo menos mais uma temporada na terra.

Artigos Relacionados