Ele esmaga! Conheça a trajetória de Hulk até a brilhante atuação no Atlético-MG

Givanildo Vieira de Souza, mais conhecido como "Hulk", tem 35 anos e é uma das estrelas do futebol brasileiro nos últimos tempos.

O craque, que, até então, havia brilhado apenas em terras estrangeiras, se destaca pela primeira vez em solo nacional após a vinda para o Atlético-MG no início da temporada 2021.

O atacante, natural de Campina Grande, no Estado da Paraíba, começou a sua trajetória no clube baiano Vitória, onde atuou em apenas duas partidas profissionais antes de se transferir para o futebol japonês e iniciar a bela jornada no futebol. A origem do apelido vem do personagem homônimo da Marvel, que também possui o porte físico avantajado – principal característica do jogador.

Aqui no Brasil, Galo e Hulk formaram uma parceria de sucesso desde o início da temporada 2021, quando o jogador foi anunciado pelo clube mineiro. O craque se adaptou rapidamente ao futebol brasileiro e já se tornou ídolo dos torcedores atleticanos, que sempre mostram fotos nas redes sociais e vão aos estádios usando a máscara do personagem dos quadrinhos, fazendo alusão ao atacante.

Nessa reportagem, você confere a trajetória de sucesso do jogador, que o tornou referência no futebol mundial. E a chegada ao Atlético Mineiro esse ano, que marcou não apenas a volta do craque ao Brasil, mas, também, seu retorno à seleção brasileira.

Início e rápida mudança para o Japão

De origem humilde no sertão paraibano, Hulk teve dificuldades nas categorias de base de outros clubes do país. Ele foi dispensado pelo São Paulo quando ainda era menor de idade, e disse que se sentiu rico pela primeira vez ao assinar um contrato de apenas R$500 por mês, ao chegar no futebol profissional do Vitória.

Hulk, então, foi revelado pelo clube baiano e estreou na equipe profissional em 2004, aos 18 anos de idade. Ele atuou em apenas duas partidas válidas pelo Brasileirão daquele ano. Mesmo sem ter muitas chances, o seu estilo de jogo foi notado pelo futebol japonês, mais precisamente pelo Kawasaki Frontale, que contratou o atleta em 2005.

O atacante permaneceu no futebol asiático entre 2005 e 2008, e jogou pelo Kawasaki Frontale, Consadole Sapporo e Tokyo Verdy. A última equipe foi onde ele teve mais sucesso, marcando incríveis 55 gols na temporada 2007 e se tornando ídolo da torcida. A ótima performance chamou a atenção de clubes europeus, dentre eles o Porto, de Portugal, que contratou o jogador em 2008 pela quantia de 6 milhões de euros.

Sucesso na Europa e retorno para a Ásia

A passagem por Portugal não poderia ter sido melhor. Hulk se tornou um dos grandes ídolos da história do Futebol Clube do Porto, um dos principais times do país. Ele disputou quatro (4) temporadas pelos Dragões, entre 2008 e 2012. Foi campeão da Liga Europa, tetracampeão português, tricampeão da Taça de Portugal e tricampeão da Supertaça de Portugal. Além disso, foi o artilheiro do Campeonato Português de 2011 com 23 gols, e eleito o melhor jogador do país no mesmo ano, razão pela qual teve uma estátua construída em sua homenagem no museu oficial da equipe. A performance do jogador não passou despercebida: em 2009, logo em sua primeira temporada em Portugal, foi convocado pelo técnico Dunga, então comandante da seleção brasileira, para atuar vestindo a camisa verde e amarela.

Em 2012, teve o seu nome ligado à vários clubes gigantes, dos mais importantes centros do futebol europeu, principalmente do inglês. Após ter conquistado a medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Londres daquele ano, foi seduzido por uma proposta milionária do Zenit da Rússia, que desembolsou cerca de 60 milhões de euros para tirar o jogador de Portugal. O salário do atacante era tão alto que o clube russo afastou dois (2) jogadores do elenco que estavam insatisfeitos com o quanto Hulk recebia.

Hulk passou por cima das polêmicas e teve um período de sucesso no futebol russo, entre 2012 e 2016. Conquistou o Campeonato Russo, a Copa da Rússia e a Supercopa Russa. Foi artilheiro do Campeonato Russo e eleito o melhor jogador do país em 2015. Tudo isso o ajudou a se firmar de vez na seleção brasileira, sendo convocado para jogar como titular na Copa do Mundo de 2014. Ele também conquistou a Copa das Confederações de 2013 e foi convocado para a Copa América de 2013 e 2016.

Em 2016, a China estava em um período de altos investimentos no setor esportivo. Várias contratações impactantes aconteceram, na época, no país asiático – que almejava entrar no mapa do futebol internacional. O Shanghai SIPG queria uma estrela em sua equipe, e Hulk foi o alvo. O clube desembolsou, também, cerca de 60 milhões de euros para tirar o atleta da Europa e levá-lo para ser o grande nome da equipe, a partir de junho daquele ano. Essa foi a contratação mais cara da história do futebol asiático.

A ida para a China, para disputar torneios pouco acompanhados em terras brasileiras, afastou o jogador da seleção e dos holofotes do país. Ele, porém, figurava entre os 20 jogadores mais bem pagos do mundo naquele momento. Hulk ajudou o Shanghai a conquistar o seu primeiro Campeonato Chinês e a Supercopa da China em sua passagem pelo “dragão asiático”, entre 2016 e 2020. Depois disso, o atleta decidiu que não renovaria o contrato quando ele terminasse e que era hora de, enfim, jogar em solo brasileiro.

O retorno para o Brasil e o sucesso no Galo

Em janeiro de 2021, Hulk foi contratado pelo Atlético-MG por duas temporadas. Sua chegada foi muito comemorada pelos torcedores nas redes sociais, e foi o assunto mais comentado no dia no Twitter. O sucesso da parceria não poderia ser maior: ele já conquistou o Campeonato Mineiro desse ano, é líder disparado do Campeonato Brasileiro e semifinalista da Copa do Brasil.

Artigos Relacionados

jan 12, 2021
Balao Comentario 0
Jorge Sampaoli perde oportunidade única de encostar na ponta e Galo patina em tentar alcançar líder São Paulo. Braga conquista belo resultado dentro de casa diante uma das equipes mais fortes do Brasileirão.
jan 12, 2021
Balao Comentario 0
Casa de apostas estampará sua marca no meio da camisa do Galo com planos ambiciosos ao futebol brasileiro e latino.
jan 21, 2021
Balao Comentario 0
Jogando na Arena, Tricolor Gaúcho empata e ignora “ajuda” ao Galo em busca do título do Brasileirão 2020.
jan 27, 2021
Balao Comentario 0
Peixe sofre segunda derrota seguida e ignora atuação ruim no Brasileirão em foco a final diante o Palmeiras na Liberta.
jan 30, 2021
Balao Comentario 0
Anunciado antes no Porto e Palmeiras, Galo pegou os amantes de esporte de surpresa ao revelar novo reforço.
fev 01, 2021
Balao Comentario 0
Treinador argentino enfrenta seu segundo ano consecutivo no futebol brasileiro comandando times que buscam a taça do Brasil