Como estão os grandes times nos torneios de base no Brasil?

Nos últimos anos, Flamengo e Palmeiras dominam o futebol brasileiro. Em 2021, o Galo montou um esquadrão para se juntar à dupla.

Dos outros gigantes do país, Corinthians, Fluminense e Inter também aparecem na metade de cima da tabela do Brasileirão. Do outro lado, o Grêmio está na zona do rebaixamento, o São Paulo no meio da tabela e três clubes tradicionalíssimos estão frequentando a Segundona. O Cruzeiro e sua crise sem fim, Botafogo e Vasco. E nos torneios das categorias de base, como está o cenário?

Demos uma conferida nos principais campeonatos “sub” do Brasil e trazemos o panorama da garotada para você.

Campeonato Brasileiro Sub-20

Disputado entre 20 equipes, o Brasileirão Sub-20 possui a seguinte fórmula de disputa: depois de um turno com 19 rodadas, os oito melhores passam ao mata-mata, composto por quartas, semis e final, todas as fases com jogos de ida e volta.

Nos últimos três anos, quatro equipes estiveram presentes nas quartas-de-final em todas as oportunidades: Flamengo, Palmeiras, Atlético-MG e São Paulo. Em 2019, o Fla foi campeão batendo o Palmeiras. No ano seguinte, o Galo levantou o troféu em uma final com o Athletico-PR.

Na edição de 2021, os times vão começar a disputar o mata-mata no final de outubro.

2019

2020

2021

1º Flamengo 1º Atlético-MG Flamengo
2º Palmeiras 2º Athletico-PR Vasco
3º Vasco 3º Corinthians Athletico-PR
4º Corinthians 4º Flamengo São Paulo
5º Fluminense 5º Palmeiras Internacional
6º Atlético-MG 6º Grêmio Palmeiras
7º São Paulo 7º São Paulo Botafogo
8º Cruzeiro 8º Fluminense Atlético-MG

Copa do Brasil Sub-20

O torneio é disputado nos mesmos moldes da categoria principal, a única diferença é o número de equipes disputando. São 32 times que jogam mata-matas até que dois cheguem à final. A primeira fase é decidida em apenas um jogo, e muitas vezes grandes clubes não chegam a disputar o torneio, pois as vagas estão destinadas aos 27 campeões estaduais e cinco vices das federações mais bem ranqueadas.

Esse formato permite que equipes “intrusas” apareçam no meio dos gigantes do futebol brasileiro. Mas há equipes que sempre estão no top-8: Vasco, Internacional e Palmeiras.

2019

2020

2021

1º Cruzeiro 1º Vasco 1º Coritiba
2º Palmeiras 2º Bahia 2º Botafogo
3º Flamengo 3º Atlético-MG 3º Internacional
4º Vasco 4º Palmeiras 4º Avaí
5º Corinthians 5º Avaí 5º Atlético-MG
6º Grêmio 6º São Paulo 6º Floresta-CE
7º Internacional 7º Goiás 7º Vasco
8º América-MG 8º Internacional 8º Palmeiras

Campeonato Brasileiro Sub-17

Neste torneio, os 20 clubes são divididos em dois grupos de 10, que jogam entre si em turno único. Os quatro primeiros de cada grupo seguem para as quartas, onde começam os mata-matas.

O Brasileirão Sub-17 é o que apresenta a menor variação de equipes no Top 8. Flamengo, São Paulo, Athletico-PR, Fluminense e Palmeiras sempre chegaram nos últimos três anos.

2019

2020

2021

1º Flamengo 1º Fluminense 1º Flamengo
2º Corinthians 2º Athletico-PR 2º Vasco
3º São Paulo 3º São Paulo 3º São Paulo
4º Grêmio 4º Flamengo 4º Cruzeiro
5º Athletico-PR 5º Vasco 5º Atlético-MG
6º Fluminense 6º Grêmio 6º Palmeiras
7º Palmeiras 7º Corinthians 7º Fluminense
8º Atlético-MG 8º Palmeiras 8º Athletico-PR

Copa do Brasil Sub-17

Apesar de o torneio de 2021 ainda não ter se encerrado, o Top 8 já foi decidido. No meio de outubro, a competição estava com um dos finalistas definidos. Depois de bater o Palmeiras por 7 x 3 e 5 x 3, o Flamengo está esperando o vencedor da outra semifinal, disputada entre Galo e o Tricolor Paulista.

Aqui, ao contrário do Campeonato, a variação de clubes é maior. E como apenas no máximo dois clubes de cada estado participam, nota-se o domínio de São Paulo e Palmeiras entre os paulistas. No Rio, o Vasco é o intruso entre a dupla Fla-Flu. O tricolor esteve entre os melhores nos últimos 3 anos.

2019

2020

2021

1º Palmeiras 1º São Paulo Flamengo
2º São Paulo 2º Fluminense Atlético-MG
3º Vasco 3º Palmeiras São Paulo
4º Fluminense 4º Flamengo Palmeiras
5º Betim-MG 5º River-PI Cruzeiro
6º Tubarão 6º Atlético-MG Porto Vitória
7º Ceará 7º Athletico-PR Fluminense
8º Internacional 8º Sport Athletico-PR

Taça São Paulo de Juniores

Único torneio desta lista que não é organizado pela CBF, a “Copinha”, como é carinhosamente chamada, é um campeonato de muita tradição que tem a final no dia do aniversário de São Paulo, 25 de janeiro. A competição reúne mais de 100 clubes do Brasil e do exterior e é disputada em uma fase de grupos e, depois, jogos eliminatórios únicos.

Neste ano, devido à pandemia do coronavírus, a Copinha foi cancelada. Antes de 2021, o torneio, que é jogado desde 1969, não foi jogado apenas em 1987. Atualmente, a

Copinha é disputada por jogadores sub-20.

Devido ao grande número de equipes, muitas vezes os favoritos ficam pelo caminho. Mas nos últimos três anos podemos observar a força do São Paulo, que sempre esteve entre os melhores. O Timão, maior vencedor em toda a história, ficou de fora das quartas em 2018, uma raridade.

2018

2019

2020

1º Flamengo 1º São Paulo 1º Internacional
2º São Paulo 2º Vasco 2º Grêmio
3º Portuguesa 3º Guarani 3º Corinthians
4º Internacional 4º Corinthians 4º Oeste
5º Avaí 5º Cruzeiro 5º Botafogo-SP
6º Vitória 6º Volta Redonda 6º Vasco
7º Palmeiras 7º Figueirense 7º Athletico-PR
8º Santos 8º Grêmio 8º São Paulo

Então, quem tem a melhor base?

Pelo desempenho nos principais torneios dos últimos anos, os destaques vão para Palmeiras e São Paulo, que são as equipes mais presentes entre os oito melhores nessas competições. Na sequência aparecem os rivais cariocas Flamengo e Vasco. Galo, Fluminense, Inter e Athletico também são figurinhas carimbadas nas retas finais dos grandes torneios de base do país.

E esses jovens podem representar o futuro desses times de duas maneiras: profissionalizando-se e jogando pelo time ou enchendo o cofre com boas negociações. Isso depende da filosofia e planejamento de cada equipe.

No caso do Vasco, que está com sérios problemas econômicos, os jovens representam a possibilidade de montagem de elencos competitivos a baixo custo, que podem ser a salvação do clube cruzmaltino. Já para Flamengo e Palmeiras, times que estão bem estruturados, eles terão mais trabalho para competir por uma vaga no elenco principal, mas podem se desenvolver sem tanta pressão ou mesmo conseguir uma transferência lucrativa para o clube e que sejam a realização do sonho de jogar no exterior.

Artigos Relacionados

nov 10, 2020
Balao Comentario 0
Rubro-negro desembolsará cerca de um milhão de reais para contratar o treinador com a defesa menos vazada do Brasileirão.
nov 22, 2020
Balao Comentario 0
O algoz em muitas temporadas do Fla, não tomou conhecimento e foi engolido na primeira vitória de Rogério Ceni no comando do clube.
nov 19, 2020
Balao Comentario 0
Rogério Ceni e Rubro-negro carioca não sabem o que é vencer a equipe comandada por Fernando Diniz.
nov 15, 2020
Balao Comentario 0
Rubro-negro carioca amarga o quarto jogo sem saber o caminho das vitórias.
nov 09, 2020
Balao Comentario 0
Mesmo em terceiro do Brasileirão, catalão cai sob críticas de torcida, imprensa e até do ídolo Zico.
nov 09, 2020
Balao Comentario 0
Flamengo soma a pior defesa e um recorde de oito tentos sofridos em apenas duas partidas seguidas.