Aposentou ou foi pra França?

Mais do que nunca, os olhos do mundo da bola estarão voltados para o Campeonato Francês. Afinal, além de Neymar, os franceses agora também contam com Messi nos seus gramados o ano todo.

E o que também existe por lá são muitos brasileiros que estão por lá em busca de um lugar ao sol em Paris, Nice, Bordeaux e tantas outras cidades do país.

Alguns que já passaram pelo seu clube ou seleção e que você achava que tinham pendurado as chuteiras.

Só que na verdade eles seguem nos campos e tentando dar trabalho ao poderoso PSG.

Dante (Nice)

Começamos a lista por Dante, que está no Nice. Infelizmente para nós brasileiros e para o zagueiro, ele ficou marcado principalmente por estar em campo na terrível derrota por 7 a 1 para a Alemanha, na semifinal da Copa do Mundo de 2014.

Apesar do triste episódio, o jogador vivia naquela época o auge da carreira. Revelado pelo Juventude havia rodado por Lille (FRA), Charleroi (BEL), Standard Liège (BEL) e Borussia Monchengladbach (ALE) até chegar no grandioso Bayern de Munique.

Depois da Copa de 2014 ainda ficaria mais uma temporada no Bayern até ser negociado para o Wolfsburg. Em 2016 foi a vez de se mudar para o Nice, clube que está até hoje. Na equipe, Dante é peça importante na manutenção da equipe na elite francesa. O zagueiro de 37 anos tem contrato até junho de 2022.

Luis Henrique (Olimpique de Marselha)

Também na França vem uma história curiosa. Revelado pelo Botafogo, Luis Henrique empolgou tanto os olheiros pelo clube carioca que eles acabaram fazendo uma indicação errada. Isso porque o jogador foi contratado pelo Olympique de Marselha para a função de centroavante em setembro de 2020. Somente após ele se juntar e trabalhar com o grupo que o técnico da época André Villas-Boas percebeu que Luis não seria um 9 e sim um atacante pelos lados.

Por causa disso Luis Henrique acabou não tendo o espaço esperado e está um pouco fora dos holofotes. Porém, o atacante tem feito o seu papel quando é acionado. Na temporada 2020/2021, mesmo tendo entrado do banco em 13 dos 19 jogos que participou o jogador balançou as redes cinco vezes.

O atacante de apenas 19 anos ainda tem contrato até junho de 2025.

Fábio (Nantes)

Irmão gêmeo de Rafael, Fábio também sumiu um pouco da mídia ao se mudar para a França em 2018. Ao menos se considerar o início badalado, quando com apenas 18 anos já estava vestindo a camisa do grande Manchester United.

Só que o lateral passou grande parte da passagem pelos diabos vermelhos com dificuldades de conseguir espaço. Por isso foi emprestado para QPR e depois negociado para Cardiff e Middlesbrough, até chegar ao Nantes em 2018.

O jogador de 31 anos, que atua nas duas laterais, ainda briga por espaço no clube francês e tem contrato até junho de 2022.

Rafinha (PSG)

Embora PSG e Lyon sejam mais badalados e você saiba quase todos os brasileiros que estão por lá, um nome tem passado despercebido. É o caso do meia Rafinha Alcântara, filho de Mazinho – tetracampeão do Mundo, e irmão de Thiago, que atua pelo Liverpool.

Rafinha surgiu como grande promessa no Barcelona, demonstrando enorme talento. Isso se confirmou nas passagens pela Internazionale e no Celta, em 2018 e 2019, quando foi emprestado para ganhar ritmo devido a falta de espaço no competitivo elenco catalão.

No entanto, as lesões atrapalharam e ele acabou não sendo reaproveitado no retorno ao Barcelona e acabou negociado com o PSG, em 2020. Só que os problemas físicos seguem e com isso atuou em pouco mais da metade dos jogos da equipe francesa na temporada 2020/2021. Foram 23 partidas na Ligue 1 e 8 na Champions. O meia de 28 anos ainda tem contrato até junho de 2023.

Otávio (Bordeaux)

Outro nome que está pela França e que talvez você não saiba é Otávio. O meia defende o Bordeaux desde 2017, o primeiro e único clube dele no futebol europeu.

Atuando mais recuado, o jogador se destacou ainda em 2014 e era enxergado como um nome de muito potencial. Três anos depois foi levado pelo Bordeaux e com isso acabou ficando um pouco distante dos holofotes e até mesmo da seleção. Isso porque embora a Ligue 1 tenha mais repercussão desde a ida de Neymar para lá, o Bordeaux não tem feito boas campanhas.

Com 27 anos, Otávio ainda tem contrato até junho de 2022.

Artigos Relacionados

jan 15, 2021
Balao Comentario 0
Parisienses faturam primeiro título da temporada sob comando de novo técnico.
fev 04, 2021
Balao Comentario 0
Com a renovação de Neymar, time parisiense coloca sua ambição de transformar a equipa a nível europeu.
abr 10, 2021
Balao Comentario 0
Mbappe marcou duas vezes com Neymar fazendo duas assistências no espaço de 25 minutos na vitória.
mar 20, 2021
Balao Comentario 0
O portal francês RMC informa que o incidente se tornou "extremamente violento" com a esposa de Di Maria, Jorgelina, e seus dois filhos pequenos.
mar 12, 2021
Balao Comentario 0
Com o Paris classificado para a próxima fase do mata-mata da Champions League, a equipe francesa aguarda o próximo adversário
fev 12, 2021
Balao Comentario 0
Atacante brasileiro sofre nova lesão próximo de decisão importante na Champions League.