Santos 4×1 Portuguesa – Com grande atuação de seu novo camisa 11, Peixe goleia a Lusa

Em noite inspirada de Neílton, o Santos goleou a Portuguesa por 4 a 1, na Vila Belmiro. Com direito a dois gols, um deles uma pintura, o novo camisa 11 da Vila teve uma atuação que lembrou Neymar. William José e Giva fizeram os outros dois e Bruno Moraes fez o de honra dos visitantes. […]

Em noite inspirada de Neílton, o Santos goleou a Portuguesa por 4 a 1, na Vila Belmiro. Com direito a dois gols, um deles uma pintura, o novo camisa 11 da Vila teve uma atuação que lembrou Neymar. William José e Giva fizeram os outros dois e Bruno Moraes fez o de honra dos visitantes. Com o resultado, o Santos chegou a 11 pontos na tabela, enquanto a Lusa parou nos sete.

Começo avassalador

Não demorou muito para os meninos da Vila mostrarem ao que vieram. Com apenas um minuto de jogo, Montillo desceu pela ponta direita e cruzou para Neílton, livre na pequena área, empurrar para o fundo das redes. O domínio santista era completo e não demorou para sair o segundo gol. Em novo cruzamento que veio da direita, desta vez com Leandrinho, Willian José desviou de cabeça para aumentar a vantagem.

Aos poucos a Lusa foi entrando no jogo. Com 30 minutos de jogo, Léo não acompanhou a linha de impedimento e acabou dando condição para Rogério cabecear firme, obrigando Aranha a fazer grande defesa. Na sequência, Cañete deixou Matheus em boas condições para marcar, mas o meia bateu para fora. Antes do intervalo, Corrêa arriscou de longe acertou a trave.

Neílton decide

Com chances para os dois lados, o segundo tempo começou equilibrado. O Santos tentava matar o jogo nos contra-ataques. A Portuguesa chegava no toque de bola, mas não conseguia entrar na defesa adversária. Aos 20 minutos, Cañete foi o segundo a acertar a trave de Aranha, desta vez em cobrança de escanteio. Se a Lusa desperdiçava suas oportunidades, o Peixe soube aproveitar as chances criadas. Aos 30 minutos, brilhou novamente a estrela do novo camisa 11 da Vila. Neílton recebeu na ponta esquerda, passou com facilidade por Luis Ricardo e bateu cruzado de canhota para fazer um golaço que Neymar assinaria.

A Lusa ainda diminuiu aos 42 minutos. Em cruzamento da direita, Edu Dracena escorregou, e Bruno Moraes acertou um belo voleio entre as pernas de Aranha. Mas ainda deu tempo para outro garoto deixar o dele. Assim como no clássico contra o São Paulo, Giva saiu do banco para fechar o placar. Já nos acréscimos, o atacante aproveitou o rebote do goleiro Lauro, após chute de Henrique, para empurrar para as redes e decretar a goleada em 4×1.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 4 X 1 PORTUGUESA

Local: Vila Belmiro, Santos (SP)

Data e hora: 13/7/13, às 18h30

Árbitro: Rodrigo Guarizo F. do Amaral (SP)

Assistentes: Vicente Romano Neto (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP)

RENDA/PÚBLICO: R$ 169.191,00/5.860 pagantes

CARTÕES AMARELOS: Galhardo (SAN); Ferdinando (POR)

CARTÕES VERMELHOS: –

GOLS: Neilton, 1’/1°T (1-0); William José, 10’/2ºT (2-0) e Neilton, 30’/2ºT (3-0); Bruno Moraes, 42’/2ºT (3-1); Giva, 46’/2ºT (4-1)

SANTOS: Aranha; Galhardo, Edu Dracena, Durval e Léo; Alan Santos, Cícero, Leandrinho (Alisson – 26’/2ºT) e Montillo; Neilton (Giva – 31’/2ºT) e Willian José (Henrique – 37’/2ºT). Técnico: Claudinei Oliveira.

PORTUGUESA: Lauro; Luis Ricardo, Lima, Valdomiro e Rogério (Jean Mota – 31’/2ºT); Ferdinando, Souza, Correa, Cañete e Matheus (Bruno Moraes – intervalo); Diogo (Moisés – 37’/2ºT). Técnico: Edson Pimenta.

Artigos Relacionados