• Atlético Mineiro
  • Fluminense
  • Grêmio
  • São Paulo FC
  • Corinthians
  • Internacional
  • Vasco da Gama
  • Santos FC
  • Sport
  • Palmeiras
  • Atlético PR
  • Chapecoense
  • Ponte Preta
  • Avai
  • Cruzeiro
  • Flamengo
  • Figueirense
  • Goias
  • Coritiba
  • Joinville

Neymar volta à Paris para evitar nova quarentena

Stefan Ugljevarevic / Shutterstock.com
Neymar aterrissou à França neste sábado (13), depois de 90 dias no Brasil.

O atleta de 28 anos, pegou um voo no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, na noite dessa sexta-feira (12), e pousou no Charles de Gaulle, em Paris.

A informação foi dada em antemão pelo jornal francês L’Équipe e confirmada pela ESPN Brasil.

De acordo com as fontes citadas anteriormente, o atacante se apresenta apenas dia 22 de junho no Paris Saint-Germain, no prazo que o clube retorna suas atividades.

Nesse meio tempo, o craque acata mais uma semana de isolamento na sua casa. Em contato com o GloboEsporte.com, a assessoria do atleta confirmou seu retorno.

A intenção inicial do camisa 10 da Seleção Brasileira era desembarcar na França somente no dia 21, um dia antes do retorno da equipe ao centro de treinamentos Camp des Loges, situado em Saint-Germain-em-Laye.

Porém, o ex-jogador do Barcelona perderia mais uma semana de treinos.

Entretanto o fator que o convenceu a retornar mais cedo, é a possibilidade da União Europeia dificultar a entrada de pessoas provindas de locais onde o surto de coronavírus está em alta.

O Brasil é atualmente o segundo país com mais morto pela Covid-19. São 41.952 de acordo com o levantamento feito a partir da parceria de diversos meios de comunicação do território brasileiro, com dados retirados das secretarias estaduais de Saúde.

O país ultrapassou o Reino Unido, que segundo a universidade norte-americana Johns Hopkins acumula 41.566 mortes. O líder de registros de quem perdeu mais vidas para a doença é os Estados Unídos.

Neymar deixou a capital da França em 15 de março, há exatos 90 dias, em sua mansão, localizada em Mangaratiba, no Rio de Janeiro.

O atleta respeitou as recomendações do PSG para que os jogadores retornassem à capital francesa antes de 15 de junho para fugir de nova quarentena.

O PSG foi declarado campeão da Ligue 1 no início de abril, depois que Federação Francesa de Futebol (FFF) anunciou das divisões profissionais em decorrência da pandemia.

Durante a pausa, o brasuca seguiu as instruções de trabalho passadas pela comissão técnica de Thomas Tuchel, além de receber uma supervisão minuciosa de seus preparadores pessoais.

De acordo com a imprensa carioca, o treinador está satisfeito com a forma do meia-atacante.

Na França, Neymar ficará uma semana em quarentena para voltar a atuar no time parisiense.

 
 

Ultimas notícias

  • Todas
  • Seleção
  • Clubes
  • Jogadores
prev
    next
    Betano

    Fórum de Futebol

      prev
      next
      To the top